icone facebookTwitterInstagram

Florianópolis, 07 de março de 2018

O secretário de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, recebeu na tarde desta terça-feira, 6, a presidente da Associação Catarinense da Pessoa Ostomizada (ACO), Candinha Jorge. Durante o encontro foi discutida a realidade das pessoas ostomizadas em Santa Catarina. Também participaram da reunião a equipe da área técnica dos Ostomizados da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Atualmente, há 4 mil pessoas ostomizadas em Santa Catarina, sendo que 3.700 são atendidas pelo Sistema Único de Saúde (SUS). “São pessoas que precisam de atenção permanente do SUS. Vamos trabalhar forte nos treinamentos para que as unidades possam atender com mais eficiência e qualidade. A SES está investindo R$ 30 milhões por ano e precisamos da parceria dos municípios para o atendimento dessas pessoas”, comentou o secretário Acélio Casagrande.

Todos os anos, a SES promove capacitação dos profissionais dos municípios que realizam a troca das bolsas de colostomia. Neste ano, em parceria com a Assembleia Legislativa de Santa Catarina (Alesc), a SES realizará quatro capacitações nas regiões da Grande Florianópolis, Norte e Nordeste, Sul e Grande Oeste.