icone facebookTwitterInstagram

Balneário Camboriú,10 de dezembro de 2014

 

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica homenageou, na última terça-feira, 9, os profissionais de saúde e da sociedade civil que se destacaram em Santa Catarina no enfrentamento da AIDS nos últimos 30 anos. O evento foi realizado no Hotel Marambaia, em Balneário Camboriú, e integrou a programação do Seminário “Trinta anos da luta contra a Aids em Santa Catarina: enfrentando novos desafios e mudando a história”.

O superintendente de Vigilância em Saúde, Winston Luiz Zomkowski, que representou a secretária de Estado da Saúde, Tânia Eberhardt, agradeceu os profissionais pelos serviços prestados e ressaltou a importância do seminário para discutir a situação da AIDS e melhorar os índices da doença em Santa Catarina.

O diretor de Vigilância Epidemiológica (DIVE), Eduardo Macário, por sua vez, também agradeceu o empenho dos homenageados que, com seu trabalho, conseguiram evitar que muitas vidas se perdessem, ajudando a estruturar o atendimento de saúde e assistência social aos portadores da doença.

“Temos um desafio enorme pela frente. Precisamos traçar estratégias mais inovadoras no combate à doença, sobretudo nas populações mais vulneráveis. As estratégias também devem vir acompanhadas de ações de direitos humanos para diminuir o preconceito e o estigma relacionados à doença”, observou Ivo Brito, representante do Ministério da Saúde (MS).

 

A prevenção, principalmente entre os jovens, também foi destacada pelo diretor do Hospital Nereu Ramos, Antônio Miranda. O médico destacou a evolução do tratamento, que é feito de forma gratuita pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

Homenageados

- Osvaldo Vitorino Oliveira, médico infectologista, sanitarista e epidemiologista pioneiro em Santa Catarina no atendimento a pacientes soropositivos. Atuou no ambulatório do Hospital Nereu Ramos (HNR). Professor do curso de Medicina da UFSC.

- Antonio Fernando Barreto Miranda, médico do Hospital Nereu Ramos (HNR) e atual diretor da instituição. Iniciou, em conjunto com Osvaldo Vitorino Oliveira, a estruturação do Serviço de Atendimento Especializado do HNR.

- Betina Horner Schilindewein Meirelles, professora do Departamento de Enfermagem da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), atua também na coordenação de pesquisa deste departamento. Primeira enfermeira do Hospital Nereu Ramos a atender pacientes soropositivos.

- Jorge Luiz Tramujas, médico especialista em Medicina do Trabalho. Foi o primeiro coordenador do Programa Estadual de DST/AIDS em Santa Catarina, que pertencia ao extinto Departamento de Saúde Pública (DSP).

- Helena Edilia de Lima Pires, militante de organização social. Presidiu por vários anos o Grupo de Apoio à Prevenção da AIDS (GAPA).

- Aroldo Prohmann de Carvalho, médico pediatra infectologista e professor da UFSC. Iniciou o Serviço de Atendimento Especializado em HIV/AIDS pediátrico do Hospital Infantil Joana de Gusmão, serviço de referência no Estado.

- Sonia Maria de Faria, médica pediatra infectologista. Presidente da Sociedade Catarinense de Pediatria. Integrante da equipe do Serviço de Atendimento Especializado em HIV/AIDS pediátrico do Hospital Infantil Joana de Gusmão.

- Rui Martins Iwersen, médico psiquiatra da rede municipal em Florianópolis.

- Maria Helena Bittencourt Westrupp, enfermeira e professora da UFSC. Atuou no Hospital Nereu Ramos.

- Luiz Alberto Peregrino Ferreira, bioquímico do Hospital Universitário HU e professor da UFSC.

- Mirian do Lago, enfermeira. Primeira coordenadora do Programa Municipal de DST/AIDS de Florianópolis.

- Márcia Lange Rila, assistente social e voluntária, presidente do Lar Recanto do Carinho, em Florianópolis.

- Anita Hinckel, primeira enfermeira do Programa Estadual de DST/AIDS de Santa Catarina.

- Mariette Johanna Clara Maria Van de Sande Silveira, médicaoncologista, especialista no tratamento de complicações oncológicas pela AIDS. Atuou na área da saúde pública em Santa Catarina e no setor de infectologia no Hospital Nereu Ramos.

- Defendente Debiasi, médico pediatra infectologista. Atuou no Hospital Infantil Joana de Gusmão.

- Mário José Bertoncini, odontólogo. Atuou no consultório odontológico do Hospital Nereu Ramos.