icone facebookTwitterInstagram

Florianópolis, 07 de outubro de 2014

Começou a circular mais uma edição da Revista Catarinense de Saúde da Família. O impresso, que é quadrimestral, traz, nesta edição, cinco trabalhos premiados no 6º Encontro Estadual de Saúde da Família. O objetivo é valorizar experiências bem-sucedidas das Equipes de Atenção Básica de municípios catarinenses.

A edição também homenageia o médico Gilson Carvalho, colaborador e ex-integrante do Conselho Editorial, que morreu em julho deste ano. Exemplares impressos seguem para as equipes de todo o Estado, via Gerências Regionais de Saúde (GERSA), e também serão distribuídos nos eventos da Secretaria de Estado da Saúde. A versão online da revista também já está disponível.

Seguindo a lógica de fortalecer a Atenção Básica, de melhorar o acesso e a qualidade dos serviços aos usuários do SUS, a Secretaria de Estado da Saúde (SES), por meio da Gerência de Coordenação da Atenção Básica (GEABS), realiza, nos anos ímpares, os Encontros Macrorregionais e o Encontro Estadual de Saúde da Família. Os destaques vão para as apresentações das experiências bem-sucedidas sobre processos de trabalho, a avaliação do desempenho da Gestão Municipal da Atenção Básica, além da premiação.

O 6º Encontro Estadual de Saúde da Família aconteceu em novembro de 2013, com o tema central Acesso e Qualidade na Atenção Básica – AB com foco na Integralidade da Atenção à Saúde. Outro tema abordado foi o papel da Atenção Básica nas Redes de Atenção à Saúde.

Nesse encontro, foram premiados 29 municípios, que receberam R$ 10 mil por apresentarem as melhores experiências desenvolvidas pelo programa Estratégia Saúde da Família. Foram premiadas as equipes dos municípios de Itaiópólis, Itapoá, Joinville, Içara, Imbituba, Jaguaruna, Florianópolis, São José, Águas Mornas, Navegantes, Itajaí, Indaial, Petrolândia, Taió, Luzerna, Vargem Bonita, Lages, Xaxim, Nova Itaberaba, Itapiranga, Biguaçu, Ipira, Irineópolis, Luís Alves, Massaranduba, Rio do Sul, Rio Fortuna, Rio Rufino e São Domingos.

Além desses, foram premiados 28 municípios que apresentaram melhor desempenho na avaliação da Gestão Municipal da Atenção Básica. Receberam entre R$ 15 mil e R$ 50 mil. As cidades de Chapecó, Tubarão, Rio do Sul, Caibi, São Miguel da Boa Vista, Nova Itaberaba, Flor do Sertão, Jupiá, Riqueza, Coronel Martins, Witmarsum, Tigrinhos, Salto Veloso, Peritiba, Alto Bela Vista, Palma Sola, Santa Terezinha do Progresso, Iomerê, Belmonte, Bombinhas, Pinhalzinho, Cocal do Sul, Quilombo, Cunha Porã, Herval d’Oeste, Itapema, Pomerode e Timbó foram contempladas.

Houve também uma premiação de R$ 5 mil por equipe/macrorregião que apresentou maior pontuação por participação nas atividades do Núcleo Telessaúde/SC. Profissionais de Novo Horizonte, Vargem Bonita, Presidente Castelo Branco, Arvoredo, Rio Negrinho, Joinville, Luís Alves, Benedito Novo e Içara destacaram-se.